Documentário “Imigrantes – A Invenção do Ceará” (TV O Povo)

Deslocar-se do lugar de origem para outro e ali fixar-se. Imigrar. Esse movimento acompanha o homem desde os primórdios. Vários são os fatores que o desencadeia. Mas ao longo da história de cada canto do mundo, o que nos propomos a refletir é como a imigração ajuda a construir o próprio lugar de destino. O Ceará também foi feito por seus imigrantes, inventado a partir do choque ou da união de culturas distintas, e a partir das consequências que trouxeram esses migrantes até o nosso estado.

Parte 1

Parte 2

Parte 3

“Um ‘brasilianista italiano’: entrevista com Angelo Trento” (por Carla Fernandes da Conceição e João Paulo da Silva – Áskesis)

Angelo Trento é professor aposentado de História da América Latina na Universidade de Nápoles ‘Istituto Orientale’. Sendo referência internacional dos estudos sobre a imigração italiana, possui inúmeras obras publicadas, tendo pesquisado diversos temas como a imigração italiana no Brasil de 1850 a 1970, o fascismo e a história da América Latina. Atualmente, dedica-se à pesquisa e participa do grupo de pesquisa no CNPq TRANSFOPRESS Brasil – Grupo de Estudos da Imprensa em Língua Estrangeira no Brasil.

https://imigracaohistoricablog.files.wordpress.com/2018/10/um-brasilianista-italiano_entrevista-com-angelo-trento1.pdf

Visite as páginas: Consultoria em História da Família e Consultoria em Pesquisa Histórica

“‘La culpa es del extranjero’: la larga y dramática historia de la xenofobia en Argentina” (por Ignacio Montes de Oca)


Buscar la explicación de los males argentinos en los inmigrantes es un defecto tan actual como repetido. La historia de ese odio constituye uno de los capítulos más oscuros de nuestra historia.

https://www.infobae.com/sociedad/2018/09/22/la-culpa-es-del-extranjero-la-larga-y-dramatica-historia-de-la-xenofobia-en-argentina/

Compartilhado do NIEM – Núcleo Interdisciplinar de Estudos Migratórios

Visite as páginas: Consultoria em Pesquisa Histórica e Consultoria em História da Família.

“La Isla de Ellis” (HDNH)

“La puerta del ‘Paraíso’. Es una isla situada al lado de la Estatua de la Libertad, por la que millones de inmigrantes pasaron antes de comenzar una nueva vida en los Estados Unidos, que no siempre fue mejor que la que dejaron en Europa. Llevados unos, por los cánticos del oro, otros por la aventura, otros por no pasar hambre; aunque todos tenían un objetivo común, tener más calidad de vida y un futuro para ellos y sus familias”.

http://hdnh.es/la-isla-de-ellis/

 

“Relatório das Terras Públicas e da Colonização”, 1861

Trata-se do Relatório da Terceira Diretoria da Secretaria de Estado dos Negócios da Agricultura, Comércio e Obras Públicas, apresentado em 31 de março de 1861, que demonstra a situação das terras públicas, imigração, colônias e catequese em todo o país. O livro traz um riquíssimo conteúdo.

Biblioteca Digital do Senado Federal

http://www2.senado.leg.br/bdsf/handle/id/242362

(PDF) Relatorio das terras públicas e da colonização

Revista “O Malho”

A Fundação Casa de Rui Barbosa disponibiliza a coleção virtual da preciosa Revista “O Malho”, que começou a circular no Rio de Janeiro em 1902. A Revista se destacou por suas charges, críticas e piadas sobre a vida política do país. Em seus fascículos, encontram-se estampadas referências à imigração e aos imigrantes, conforme páginas selecionadas.

Imigração: http://www.casaruibarbosa.gov.br/omalho/index.asp?lk=14&qry=imigra%E7%E3o&imageField.x=36&imageField.y=6

Imigrante: http://www.casaruibarbosa.gov.br/omalho/index.asp?lk=14&qry=imigrante&imageField.x=0&imageField.y=0

Giralda Seyferth: imigração alemã, imigração, colonização, racismo, nacionalismo e campesinato

A professora Giralda Seyferth (1943-2017), antropóloga e pesquisadora da imigração alemã no Sul do Brasil, no conjunto de sua vasta produção intelectual, nos deixou um legado de trabalho de inestimável importância para os estudos migratórios. Para contemplar os temas de suas principais linhas de pesquisa, reunimos textos disponíveis em PDF que abordam a imigração alemã, imigração, colonização, racismo, nacionalismo e campesinato.

(PDF) Seyferth, Giralda. A assimilação dos imigrantes como questão nacional

(PDF) Seyferth, Giralda. A dimensão cultural da imigração

(PDF) Seyferth, Giralda. A ideia de cultura teuto-brasileira literatura, identidade e os significados da etnicidade

(PDF) Seyferth, Giralda. A imigração no Brasil comentários sobre a contribuição das Ciências Sociais (BIB 57, p 7-47)

(PDF) Seyferth, Giralda. As identidades dos imigrantes e o melting pot nacional

(PDF) Seyferth, Giralda. Campesinato e o Estado no Brasil

(PDF) Seyferth, Giralda. Colonização, imigração e a questão racial no Brasil

(PDF) Seyferth, Giralda. Concessão de terras, dívida colonial e mobilidade (Estudos Sociedade e Agricultura, 7, dez 1996, p 29-58)

(PDF) Seyferth, Giralda. Etnicidade, política e ascensão social um exemplo teuto-brasileiro

(PDF) Seyferth, Giralda. Formação de identidades culturais em contextos migratórios.

(PDF) Seyferth, Giralda. Identidade camponesa e identidade étnica (um estudo de caso)

(PDF) Seyferth, Giralda. Identidade étnica, assimilação e cidadania. A imigração alemã e o estado braasileiro.

(PDF) Seyferth, Giralda. Imigração e colonização alemã no Brasil uma revisão da bibliografia

(PDF) Seyferth, Giralda. Imigração e etnicidade no Vale do Itajaí (SC)

(PDF) Seyferth, Giralda. Memória coletiva, identidade e colonização representações da diferença cultural no Sul do Brasil

(PDF) Seyferth, Giralda. O problema da imigração no Brasil continuidades e mudanças

(PDF) Seyferth, Giralda. The diverse understandings of foreign migration to the South of Brazil (1818-1950)

(PDF) Seyferth, Giralda. Imigrantes, estrangeiros a trajetória de uma categoria incômoda no campo político

(PDF) Seyferth, Giralda. O beneplácito da desigualdade breve digressão sobre o racismo. In Racismo no Brasil. São Paulo Peirópolis ABONG, 2002, p. 17-43 (vários autores)

(PDF) Seyferth, Giralda. Socialização e etnicidade_ a questão escolar teuto-brasileira (1850-1937) Mana_ vol. 23_ p_ 579-607_ 2017

No “Guia do emigrante para o Império do Brazil”, publicado em 1884, além da abordagem geral sobre imigração e dados referentes ao Império, encontra-se um rico material sobre as colônias de imigrantes localizadas em diversas províncias. (Brasiliana Digital, USP)

(PDF) Guia do imigrante para o Imperio do Brasil

http://www.brasiliana.usp.br/bitstream/handle/1918/01825600/018256_COMPLETO.pdf